Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia – Opcionalmente, pode ser colocado, em um ou dois parágrafos de abertura, uma exposição geral de como o capítulo de metodologia está organizado. Também pode ser mencionado o que é metodologia, e, neste caso, de preferência com o apoio de um autor. Aliás, é conveniente que todas as decisões que foram tomadas para definir a metodologia do trabalho estejam fundamentadas em autores.

Para saber mais sobre como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia, continue lendo o post

DELINEAMENTO DA PESQUISA

 

Em dois ou três parágrafos, deixar clara qual a classificação da pesquisa quanto aos objetivos (exploratória, descritiva ou explicativa), quanto à abordagem (quantitativa ou qualitativa) e quanto ao procedimento técnico (bibliográfica, documental, levantamento, estudo de caso, etc.). Em alguns casos, é possível enquadrar a pesquisa em duas classificações distintas.

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia

É importante fundamentar a escolha do delineamento escolhido, ou seja, dizer porque foi adotada determinada linha de pesquisa. Também é importante usar um ou dois autores como apoio para fundamentar a escolha feita.

 

VARIÁVEIS de estudo

As variáveis de estudo, isto é, o que efetivamente se está medindo ou estudando, devem ser especificadas em duas dimensões: definição constitutiva (ou seja, o conceito) e definição operacional (ou seja, como a variável é mensurada). Se possível, fundamentar com base em algum autor, pelo menos a definição constitutiva. No caso de terem sido utilizados vários autores diferentes na conceituação do tema de pesquisa (na fundamentação teórica), é neste momento que se toma a decisão sobre qual o conceito que será utilizado para os fins da pesquisa. No caso de conceitos que apresentam alguma contradição, convém argumentar porque foi utilizado (escolhido) determinado conceito.

– Estratégia: “Ononon nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn.” (ONONO, 2004, p. 18).

– Atendimento humanizado: Ononon nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn nonon onnon onnonoonn.” (NONONNONO, 2003, p. 281). Para fins deste estudo, a qualidade do atendimento será mensurada através de …….

Em alguns estudos, em acordo com o Orientador, especialmente quando se envolve questões qualitativas complexas, pode ser usado o termo “categorias de análise” ao invés de variáveis.

 

POPULAÇÃO E AMOSTRA

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia 4

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia – De forma bem objetiva, especificar qual foi (ou será) a empresa ou grupo social estudado. No caso de empresa, informar apenas sua razão social e, em poucas palavras, traçar suas características principais (a descrição mais detalhada será feita no próximo capítulo). Também convém especificar quais as pessoas e/ou setores que foram (serão) envolvidos na pesquisa. Em alguns casos, este item pode ser denominado como ambiente de estudo, especialmente: a) quando não há “população” envolvida, como é o caso de estudos documentais; b) quando se tem ambientes bastante amplos, que envolvem várias populações a serem descritas, como é o caso em diagnóstico e/ou planejamento estratégico.

No caso de trabalhos envolvendo grupos sociais mais numerosos (ou até mesmo se dentro de empresas com grande quantidade de funcionários), é necessário especificar os critérios adotados para a seleção da população e amostra, bem como classificar esta amostra quanto a sua tipologia (probabilística ou não probabilística e de que tipo).

Quando o estudo envolver a definição de um tamanho de amostra com respectiva margem de erro, é necessário apresentar o respectivo cálculo e indicar o autor da fórmula utilizada. A fórmula comumente utilizada é a proposta por Barbetta (1994, p. 58). Para fins de exemplificação, apresenta-se um cálculo para uma população de 5.800 indivíduos e uma margem de erro amostral de 5%.

Onde:

n = primeira aproximação amostral

n0= tamanho da amostra

e = margem de erro admitida

N = População total

 

PROCEDIMENTO E TÉCNICAS DE COLETA DE DADOS

 

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia – A coleta de dados é uma das mais importantes etapas de uma pesquisa. Para descrevê-la, é necessário especificar quais os instrumentos que foram (serão) utilizados (entrevista, questionário, observação, análise de documentos, etc.). No caso de entrevistas semi-estruturadas, convém descrever o roteiro (a ser) utilizado. No caso de observações sistemáticas, recomenda-se especificar os aspectos que foram (serão) objeto de apontamento. No caso de entrevistas estruturadas e questionários, informam-se os temas centrais cobertos pelo questionamento.

Por vezes, a coleta de dados observa regras determinadas por modelos desenvolvidos por autores ou organismos reguladores. Como exemplos se têm a análise SWOT (em planejamento estratégico) e o roteiro do Instituto Ethos (para os diagnósticos de responsabilidade social empresarial). Sempre que tal fato ocorrer, deve ser informado neste item.

Seguem-se, ainda, algumas orientações específicas que devem ser observadas somente no trabalho final e que, portanto, não são apresentadas ou são facultativas na fase de projeto:

a) Em todos os casos de coleta de dados primários (observação, entrevista ou questionário), o respectivo roteiro ou formulário deve ser apresentado como apêndice no final do trabalho, salvo no caso de entrevistas semi-estruturadas com poucos tópicos, que podem ser descritos no corpo do trabalho (neste mesmo item).

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia 2

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia

b) É necessário informar a data e local em que foi feita a coleta de dados.

c) Em alguns casos, é importante acrescentar detalhes do procedimento de coleta. Por exemplo: se os questionários foram aplicados num único momento para todas as pessoas ou se houve tempo para as pessoas conversarem entre si à medida que o questionário foi aplicado (e se tal possibilidade pode ou não ter interferido nos resultados).

d) Sempre que, no processo de coleta, ocorrerem fatos ou circunstâncias que possam ter alguma influência no resultado (vieses de pesquisa), tal ocorrência deve ser informada. No ambiente empresarial, as situações mais propícias à ocorrência de vieses de pesquisa são: a) o fato de o pesquisador ter trabalhado recentemente ou ainda estar trabalhando na empresa ou ter uma relação muito próxima com dirigentes ou o grupo pesquisado; b) a ocorrência recente de um fato que marcou profundamente a equipe (demissão de alguma pessoa bem relacionada internamente, inauguração de uma nova fábrica, conquista de um novo cliente importante, lançamento recente de um novo produto, grave acidente ou prejuízo que abalou as pessoas, etc.). Afora estes, há vários outros decorrentes do próprio instrumento (por exemplo, perguntas que as pessoas não entenderam e que precisaram ser invalidadas) ou das próprias circunstâncias da aplicação (por exemplo, possibilidade das pessoas trocarem impressões entre si antes de responderem, o questionário já ser do conhecimento ou não das pessoas, limitações à presença ou dificuldades de acesso para o pesquisador, etc.).

 

Análise e interpretação dos dados

 

Os dados coletados sempre são submetidos a algum tipo de análise para permitir sua adequada interpretação e posterior construção de propostas. É este processo que precisa ser descrito neste item.

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia 3

Como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia

Para dados numéricos, a forma mais freqüente de organização para análise é através da utilização de recursos de estatística descritiva (contagem de freqüência, cálculo de médias e percentuais e outras medidas estatísticas básicas), normalmente com o apoio de planilhas eletrônicas. Em informações verbais, normalmente se utiliza a técnica de análise de conteúdo. Em ambos os casos, normalmente se faz a análise dos dados à luz dos fundamentos teóricos para, a partir disso, serem elaboradas as propostas finais do trabalho.

Também há outros recursos freqüentemente utilizados em estudos organizacionais. Quando se adotam modelos, normalmente se busca analisar a realidade empírica e marcar uma opção de resposta dentro dos padrões do modelo, para, ao final, se chegar a conclusões. Outro recurso comum na área financeira é fazer a análise com base em indicadores econômico-financeiros, como cálculos de taxa interna de retorno, período de payback, valor presente líquido ou outros.

Erros típicos nos procedimentos metodológicos:

– Ausência de uma ou mais partes (se não souber o conteúdo adequado, colocar no mínimo o título, na ordem correta);

– Títulos fora de ordem: 3.1 Delineamento; 3.2 Variáveis ou Categorias de Análise; 3.3 População e Amostra ou Ambiente de Estudo; 3.4 Procedimentos e técnicas de coleta de dados; 3.5 Análise e interpretação de dados.

– Incoerências entre objetivos do estudo e delineamento e entre delineamento e objetivo com respectivas técnicas de coleta de dados;

– Informações muito vagas sobre a análise e interpretação de dados.

Aprendeu como proceder com os procedimentos metodologicos da monografia?