O que é e para que serve o hibridismo?

Hibridismo – Os chamados hibridismos são os termos utilizados como resultado da junção de palavras, estas que pertencem a línguas diferentes e se atrelam á nossa língua portuguesa. Falaremos então um pouco do processo de formação de palavras um fato que nos ocorre através da derivação e da composição, portanto será interessante as informações passadas á seguir para ampliarmos o nosso conhecimento e também discorrermos sobre mais um fator linguístico que poderá tranquilamente ser utilizado em redações de diversos processos de seleção.

Muitas vezes temos diversas dúvidas sobre o que escrever e como escrever tendo muito cuidado e muitas vezes não somos naturais naquilo que foi escrito no texto, passando assim á impressão no que foi escrito de superficialidade e falta de conhecimento de causa, portanto para uma boa redação sempre observe pontos importantes, como o básico, o início, meio e fim, respeitando assim á introdução, a distância do parágrafo, o título que deverá ser utilizado sobre o assunto discorrido conforme o tema, e também o tamanho do texto para que este não se torne massante e subjetivo, seja sempre direto, objetivo e autêntico ao escrever dando assim um diferencial ao seu texto.

Hibridismo

Hibridismo

Os hibridismos para diversos gramáticos são considerados um grande fato condenável, já que não existe uma uniformidade na origem dos elementos escritos que formam a palavra composta e sobretudo praticamente proeminentes do grego e do latim.

Vale a pena também dizer que mesmo que se trate de tais procedências os falantes já consideram assim os elementos aportuguesados, incorporando diversas palavras ao nosso léxico compreensivo.

Alguns casos de hibridismo:

Burocracia – Buro (francês) + cracia (grego)

Endovenoso – Endo (grego) + venoso (latim)

Hiperacidez – Hiper (grego) + acidez (português)

Monocultura – Mono (grego) + Cultura (latim)

Além desses exemplos citados acima podemos também constatar outros muitos como goiabeira (tupi e português), sambódromo (quimbundo, língua africana, e grego), surfista (inglês e grego), entre diversos outros.