Fluência no Texto

A  fluência no texto se refere diretamente a habilidade de se ler um texto com precisão, além de velocidade e expressividade adequadas de acordo com o que a leitura propõe para nós mesmos, estes são os requisitos que um escritor precisa ter ao escrever o seu texto, mostrando fluência e conhecimento sobre o que está sendo escrito e informado em sua idéia passada.

Diversos pesquisadores têm se voltado a habilidade da fluência, já que existe comprovadamente uma correlação entre as habilidades de fluência, compreensão disponíveis em uma leitura realizada.

As pesquisas sugerem que as crianças devem, porém não desenvolvem a fluência cedo e também a sua escolarização estão mais sujeitas a passar por situações e vivenciar dificuldades de leitura e de compreensão nos anos seguintes escolares.

Porém conclui-se que apesar da influência da leitura ser uma habilidade bastante necessária a compreensão do sentido do texto escrito não dependerá exclusivamente dela.

 Fluência no Texto

Fluência no Texto

Leitor iniciante X leitor experiente

Para um leitor iniciante e um leitor experiente existem alguns aspectos que podem ser analisados, como que para um leitor iniciante a fluência da leitura de um texto é o resultado da arte de desenvolver a precisão e também o subsequente desenvolvimento do automatismo de processos na integração de leitura e também palavras do texto lido. Nestes fatores também estão incluídos aspectos de percepção, fonológicos, ortográficos e também morfológicos passando assim toda a experiência que poderá ser dita no texto.

Para um leitor experiente a fluência da leitura se refere diretamente aos níveis de precisão e de velocidade em que a codificação das palavras é realizada sem esforço algum, onde a leitura oral é suave e de fácil compreensão, precisa e em que á atenção poderá ser destinada á compreensão.

A fluência é uma habilidade necessária para qualquer leitor, sendo necessário se desenvolver e também a adequar quando assim existirem dificuldades.

A fluência é definida através do National Assessment of Educational Progress – NAEP, 2002 (EUA), entidade que analisa á compreensão de informações em escolas públicas dos EUA, onde o fluente lê principalmente em grandes blocos de palavras, onde á interpretação do texto é realizada de forma expressiva.