Aprenda a diferenciar: Acabar com e Acabar em

Acabar com e acabar em são termos que entre diversos outros tipos de caso realizamos possíveis questionamentos quanto á utilização correta da preposição, este é um elemento que se associa ao verbo por fatores que forem relacionados á sua regência. Podemos então definir algumas coisas se utilizando através do exemplo informado abaixo:

A rebelião acabou com a morte de vários detentos.

ou também de outra forma:

A rebelião acabou na morte de vários detentos.

Os principais aspectos que rodeiam à expressão é antes de tudo a utilização da regência verbal que estabelece diretamente uma estreita relação com o contexto onde o verbo irá se encontrar inserido, ou seja, o sentido a ser passado na frase e na oração será demarcado através de um fator preponderante.

Acabar com e Acabar em

Acabar com e Acabar em

Levando isto em conta constatamos que nos resta compreender que a função “acabar com” significa destruir algo, arruinar. Desta forma, descrito de maneira bastante conveniente podemos dizer que:

A tragédia acabou com a cidade. (destruiu)

Sua indiferença acabou com todas as minhas esperanças. (idem à análise anterior).

O sentido do termo expresso, “acabar em” de acordo com acepções de origem semântica possui o sentido na frase de ter como desenlace. Sendo assim podemos constatar como resultado final que a segunda opção é tida como a mais correta utilizada, tendo assim em vista o sentido apresentado pelo verbo, ou seja:

A rebelião acabou na morte de vários detentos.

Todas aquelas manifestações acabaram na prisão de dois participantes.

Para se fazer uma boa redação além das dicas listadas acima, não pode-se esquecer do esqueleto da redação composto de parágrafos, introdução, desenvolvimento e conclusão, respeitando os títulos que sempre deverão ser utilizados e também o espaço para o parágrafo, além de muita atenção que deverá ser utilizada para se falar sobre o tema, sem impor ás idéias para o receptor.