Qualidades notáveis de um texto

A clareza e fluência do texto – Existem sim diversas qualidades na linguagem que costuma ser apontada como uma das mais importantes para que o texto escrito seja então considerado bom, um texto considerado claro e fluente é sim um texto com qualidades notáveis, porém com tudo o que é dito e escrito sobre a linguagem, não poderemos de forma alguma generalizar isto, existem  diversos textos escritos que são consagrados e culturalmente importantes em suas áreas que não possuem estes tipos de qualidades. Existem também situações onde o autor não tem a necessidade, ou não deseja ser claro e fluente, esta variável é quase sempre do leitor. Além disso é também muito comum e possível que o autor não seja um bom escritor, mas que seu texto traga assim informações tão relevantes e importantes que não é muito levada em conta a sua falta de habilidade para redigir. As considerações em decorrência disso são muito relativas e também discutíveis, por isso devemos tranquilamente utilizar-nos do bom senso.

Qualidades básicas em uma redação: clareza e fluência do texto

A clareza e fluência é algo primordial em um texto, pois um texto claro é assim considerado por ser compreensível em uma primeira leitura. A fluência é a grande qualidade que deve circundar uma boa redação, permitindo assim uma leitura ininterrupta, sem prejuízos de compreensão e também sem necessidade de releitura. Os textos de base jornalística e dos livros didáticos são bons exemplos de que textos geralmente claros, fluentes e adequados são mais acessíveis aos seus leitores.

clareza e fluência do texto

clareza e fluência do texto

O segundo ponto primordial é o respeito ao leitor, qualquer texto escrito deverá assim respeitar o seu leitor, e existem diversas formas simples de isto ocorrer, clareza e fluência em um texto são qualidades básicas porém se levássemos isso sempre ao pé da letra somente iríamos escrever textos curtos e com períodos simples, como em livros infantis. Isso então seria um grande desrespeito á capacidade de compreensão dos leitores mais sofisticados e exigentes.

Sempre saiba quem é o seu leitor, pense na linguagem que deverá escrever, obrigando o leitor a refletir sobre aspectos relevantes e importantes do que foi escrito, fazendo perguntas como, Onde queremos chegar com o nosso texto?